Quero te mostrar a Lua

Quero te mostrar a Lua
À noite, em um lugar lindo
Beijar a boca tua
Planejar o infinito
Com você…

Quero sentir a tua pele
Serelepe
Quente, rija.

E mesmo que você finja
Não me amar
Eu vou saber desvendar
Os seus porquês…

Quero ter bem pertinho
Pra te contar do caminho
Dos Astros que revelam
Que ficaremos juntos, um dia!

E enquanto o luar
Nos aconchegar
Eu vou viver feliz
Contanto que você sorria!

Quero te mostrar a Lua
É óbvio que te quero nua
Rima fácil, carne crua
Vai dizer que não sabia?

Os Astros não usam roupas
Nós também não usaremos.
Enquanto te mostro a Lua
O tempo passa lá na rua
Não aqui, já amanhecia.

E quando o Sol, enfim, invadir o quarto
Eu parto
Até a hora quando os gatos
Rondarem a noite
Longos miados e meu ronronar
Anunciarão a minha chegada.

Anúncios

, , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: