Arquivo de agosto \08\UTC 2013

Anjo Carnal

20130808-042755.jpg

Sou um anjo carnal
Um tanto quanto humano e sexualizado.

E é uma sexualidade que me repudia
A sexualidade me alivia
A sexualidade não devia!
Gozei, todavia…

Mil e um avatares expressam pedido
Desejo, protuberâncias, vísceras,
Depressão, hiv, medo do escuro
Monstros debaixo da cama e a mão do papai
No pipi do menino
Mesma face do garoto no Grindr,

Mas a sexualidade também aparece às claras
Num cardápio erótico maravilhoso
Onde o sushi e o baião de dois se encontram,
Na cama,
Num maravilhoso arroz com feijão humano
Um viradão de bruços à paulista

Sou um anjo carnal
Em sampa-sodoma-gomorra
Piso no sangue pelas ruas
E o sangue está nos meus olhos.
Mesmo sangue da vida, da porra da vida,
É o sangue que faz o pau subir.

E a Santa Trindade regerá minha experiência angelical:
Suor, Saliva e Esperma.

Sou um anjo carnal em uma selva de pedra.
Só pecando e comendo todas as maçãs
É que eu salvo a Humanidade.

Suor, Saliva e Esperma.

, , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário